Logótipo Newsletter IPJornal

Assine Newsletter Gratuita

Receba os nossos artigos no seu email sem qualquer esforço.

Condução automatizada: A Bosch torna realidade a ficção de Hollywood

K.I.T.T., order a lenda viva no CES em Las Vegas

  • Veículos com tecnologia da Bosch já podem conduzir-se a si próprios de forma automatizada
  • A Bosch está a desenvolver a condução automatizada na Califórnia e na Alemanha
  • Os sensores da Bosch são os olhos e ouvidos dos veículos modernos
  • O iBooster da Bosch abre o caminho para uma condução automatizada
  • A Bosch apresenta o seu portfólio de tecnologia no Mercado de Inteligência de Veículos

Hollywood foi o primeiro a consegui-lo: nos anos 80, a fábrica de sonhos criou a série de ação “Knight Rider” que apresenta um carro que fala e – mais importante – que é autónomo na sua condução, um veículo Pontiac Firebird Trans Am chamado K.I.T.T. Quase 30 anos mais tarde, a condução automatizada já não é apenas mais uma fantasia da televisão. “A Bosch está a tornar a ficção científica parte da realidade, um passo de cada vez”, afirma Dirk Hoheisel, membro do Conselho de Gestão Bosch. Carros equipados com tecnologia Bosch são já capazes de ter uma condução automática e conduzir de forma autónoma em certas situações, como em tráfego intenso ou a estacionar. A Bosch apresenta as suas soluções no Mercado de Inteligência de Veículos durante o CES, em Las Vegas (que decorre entre 6 e 9 janeiro de 2015).

Sendo um dos maiores fornecedores de soluções de mobilidade, a Bosch tem vindo a trabalhar no projeto de condução automatizada desde 2011 em dois locais – Palo Alto, na Califórnia e em Abstatt, na Alemanha. As equipas das duas localidades podem recorrer a uma rede mundial de mais de 5.000 engenheiros da Bosch na área dos sistemas de assistência ao condutor. A motivação subjacente ao desenvolvimento da Bosch é a segurança. Estima-se que ocorrem, por ano, 1,3 milhões de mortes no trânsito em todo o mundo, e os números continuam a subir. Em 90 por cento dos casos, o erro humano é a causa dos acidentes.

Da previsão de travagem de emergência até à assistência de tráfego

Aliviar os condutores de tarefas de condução em situações críticas de tráfego pode salvar vidas. Estudos sugerem que na Alemanha, até 72 por cento de

todas as colisões traseiras, que resultam em mortes, poderiam ser evitadas se todos os carros estivessem equipados com o sistema de previsão de travagem de emergência da Bosch. Os condutores também podem chegar ao seu destino em segurança e com o stress reduzido utilizando o assistente de tráfego da Bosch. Com velocidades de até 60 quilómetros por hora, o assistente trava automaticamente em trânsito intenso, acelera, e mantém o carro na sua faixa de rodagem.

“Com os sistemas de assistência ao condutor, a Bosch espera em 2016 vendas na ordem de um mil milhão de euros,” afirma Hoheisel. Os sistemas de assistência são fundamentais na condução automatizada, e estes vão afirmar-se num processo gradual. A Bosch já tem a sua visão sobre a condução totalmente automatizada, na qual os condutores já não têm de monitorizar constantemente o veículo. “Com os pilotos automáticos da Bosch, vai ser possível ver os carros a conduzirem-se a si mesmos, de forma automática, nas autoestradas em 2020, a partir da rampa de entrada até à rampa de saída”, adianta Hoheisel. Na próxima década, os veículos vão ser totalmente automatizados e capazes de lidar com todas as situações que possam surgir.

Os sensores da Bosch são os olhos e ouvidos do carro
A condução automatizada afeta todos os aspetos do carro – o grupo motopropulsor, travões, direção – e requer o expertise em sistemas abrangentes. Com base nos sensores de radar, vídeo e tecnologia de ultrassom, estes têm sido fabricados aos milhões e por muitos anos. “Os sensores são os olhos e os ouvidos que permitem que veículos percecionem o seu ambiente”, explica Hoheisel. Um poderoso software e computador processam a informação recolhida e asseguram que o veículo automatizado pode mover-se através do tráfego de uma forma segura e com um consumo eficiente de combustível.

Como os veículos assumem cada vez mais tarefas de condução, os sistemas de segurança, tais como os travões e a direção, são críticos e têm que satisfazer necessidades especiais. No caso de um destes componentes falhar, é necessário um mecanismo de reserva na condução que garanta a máxima disponibilidade. A Bosch já tem um sistema para travões: o iBooster, um reforço de travagem eletromecânico. Tanto o iBooster como o sistema de controlo de travagem ESP são concebidos para travar a viatura – independentemente um do outro – sem que o condutor tenha de intervir.

iBooster: essencial para a condução automatizada

O iBooster da Bosch cumpre um requisito essencial para a condução automatizada. O reforço de travagem pode criar pressão nos travões de forma independente, sendo três vezes mais rápido que um sistema ESP. Se o sistema de previsão de travagem reconhece uma situação de perigo, o veículo trava rapidamente. Ao mesmo tempo, o iBooster também proporciona uma travagem suave até uma paragem completa, exigido pelo ACC controlo de cruzeiro adaptável. Além disso, é praticamente silencioso.

O iBooster é um componente chave para veículos híbridos e elétricos. Umas das razões é não necessitar de vácuo, que de outro modo tem que ser produzido num processo complexo pelo motor de combustão ou uma bomba de vácuo. Em segundo lugar, porque, em conjunto com ESP hev (projetado especialmente para veículos híbridos e elétricos), o reforço de travagem pode recuperar quase toda a energia de travagem e convertê-la em eletricidade, o que aumenta o alcance do e-veículo. O sistema iBooster permite recuperar a energia de travagem máxima para um veículo híbrido com motor elétrico durante as filas de trânsito. Se o automóvel tiver de travar bruscamente, ou se o gerador é incapaz de fornecer o binário de travagem necessário, o reforço de travagem gera pressão de travagem adicional necessária na forma convencional, utilizando o cilindro de travagem mestre.

Tecnologia Bosch no Mercado de Inteligência de Veículos

Os fabricantes de automóveis de todo o mundo contam com a tecnologia e expertise da Bosch, como foi demonstrado recentemente quando o fabricante de carros elétricos Tesla condecorou a Bosch com o seu Prémio de Excelente Parceiro de Desenvolvimento. Na CES, em Las Vegas, a Bosch não vai apenas apresentar o seu extenso portfólio de produtos para as funções de assistência ao condutor e sistemas de travagem no Mercado Inteligência de Veículos. A empresa vai apresentar também uma lenda viva de Hollywood: KITT a partir da série de ação “Knight Rider”.

 
Escrito por IP Jornal Team em Janeiro 7th, 2015 nas categorias Automóveis Hibridos, Noticias de Automóveis, Novidades Automóvel Deixe um comentário

Tags: , , , ,



Deixe um Comentário

Algum HTML é permitido.