Logótipo Newsletter IPJornal

Assine Newsletter Gratuita

Receba os nossos artigos no seu email sem qualquer esforço.

Taxistas vão reclamar durante a campanha eleitoral contra o encerramento da Uber

Os taxistas anunciaram esta segunda-feira que vão reclamar todos os dias durante a campanha eleitoral até que seja encerrada a operação da Empresa Uber que através de uma app para telemóvel liga passageiros a motorista para fazer transportes de pessoas.

“Nós vamos fazer campanhas todos os dias, cheapest viagra não é só num dia, price é todos os dias”, sales disse o presidente da Antral, Florêncio Almeida, referindo que as acções irão decorrer durante toda a campanha eleitoral, caso não tenha uma resposta da Ministra da Justiça.

A Antral diz que vai “parar o aeroporto [de Lisboa], parar [a estação de comboios inter-regionais de] Santa Apolónia” e organizar, “todos os dias, uma acção espontânea, inclusivamente em campanha eleitoral”.

“Se calhar o senhor ministro [da Economia] vai nos ter à perna”, afirmou disse o responsável da ANTRAL, quando questionado sobre uma eventual ausência de resposta da parte da Justiça.

“Enquanto os nossos problemas não forem resolvidos, nunca poderemos estar satisfeitos”, afirmou Florêncio Almeida à saída da reunião, admitindo ter ficado com “a sensação” de que o ministro da Economia “também está preocupado” com o problema.

Florêncio Almeida disse, “em virtude daquilo que se está a passar e das decisões dos tribunais não serem cumpridas, [o ministro da Economia] comprometeu-se que iria junto da senhora ministra da Justiça – que também já nos prometeu da última paralisação saber o que se está a passar e o porquê de não se cumprir a decisão dos tribunais.

Lembramos que a Uber afirma que o tribunal impediu de operar em Portugal, a Uber Americana, e não a Uber Irlandesa que é a que presta o serviço em Portugal.

 
Escrito por IP Jornal Team em Setembro 22nd, 2015 nas categorias Justiça, Política, Tecnologia Deixe um comentário

Tags: , ,



Deixe um Comentário

Algum HTML é permitido.